Porque você não deve copiar alguém

O problema de se copiar o negócio ou a imagem de alguém é que isso limita a compreensão, e compreendendo é como você realmente cresce. O mais importante é a experiência do porque algo funciona, ou porque é da maneira que foi feito, e isso só vem com o tempo. Quando se copia, perde-se este aspecto, pois você não enxerga todas as camadas por trás de uma decisão.

Isso se aplica a novas idéias, produtos, negócios em determinada região, ou mesmo, no nosso caso, software e serviços. Você já reparou em algo ou alguém que foi obviamente copiado? Geralmente a cópia carece de significado e detalhe. Pode até ser semelhante, mas nunca possui aquele sentimento de que se trata de algo legítimo, como um bom vinho ou uma imobiliária de tradição no bairro.

Copiar parece ser um truque esperto, pois você se aproveita do trabalho prévio de alguém, mas o problema é que o trabalho do original é invisível. Quem copia não entende porque as coisas foram feitas como foram, porque buscou-se determinado mercado ou região, ou porque o atendimento foi feito de certa maneira.

É por isso que quem copia, fica defasado no mercado rapidamente. Como não há a compreensão de onde começaram, também não se sabe qual é o próximo passo pois falta-lhes a motivação original: ser profissional e oferecer o melhor possível a seu cliente.

No fim, copiar prejudica apenas a si mesmo, pois perde-se o tempero especial que o destaca no mercado e o torna único. Ao invés disso, tente se expor a diferentes perspectivas e pontos de vista de quem tem experiência, aproveite o que é útil, mas complete o resto com suas próprias idéias, seja você um corretor de imóveis de qualidade ou, como nós, inovando em tecnologia para imobiliárias.

3 thoughts on “Porque você não deve copiar alguém

  1. Quando se copia, nota-se pela falta de continuidade. Quem tem o original, normalmente divide em etapas de apresentação. E, por ser novidade, sempre alguém copia, mas esta copiando “parte”. Tem muito mais na sequencia. Porém, não se tem a continuidade na cópia. Daí se perde, e acaba. Fim. eu tenho pensado da seguinte maneira: “deixe que copiem, não vão suportar o que há de vir”. Eu tenho o original e sei para onde, para qual direção, e ainda quando. Por isso, sei o custo. Quem copia, engana e é enganado.
    Sabe … gostei deste tema … rsrsrs

    • O Basecamp, assim como outros produtos da 37signals são uma fonte de inspiração, pois muito da experiência que desenvolveram nos últimos 10 anos serviu de cultura para uma nova geração de startups pós-bolha. Então há muito o que aproveitar, até porque ambos estamos no mercado de Software como Serviço. A diferença é que focamos em soluções para o mercado imobiliário, e trazemos esse conceito para o Brasil, onde a cultura é de que software especializado é difícil, demanda muito investimento inicial, e está fora do alcance da maioria das pessoas – como nossos competidores preferem que seja.

      Nesse caso, preferimos “copiar” dos melhores ;)

      Obrigado pelo comentário José Eduardo. Bom saber que acompanha nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>